MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Estado

Fiscais agropecuários recebem treinamento sobre controle de ectoparasitos de ovinos

Em 23/03/2022 às 18:16h

por Redação JM

Fiscais agropecuários recebem treinamento sobre controle de ectoparasitos de ovinos | Estado | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Foto: Divulgação/Seapdr

“Vigilância e controle de ectoparasitos de ovinos” foi o treinamento recebido por cerca de 30 fiscais estaduais agropecuários da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) na última semana, no Centro Estadual de Diagnóstico e Pesquisa em Ovinocultura (Ceovinos), em Encruzilhada do Sul.  A ideia foi alinhar ações de inspetorias das diversas regiões do Rio Grande do Sul relacionadas aos ovinos, principalmente a respeito dos ectoparasitos sarna e piolheira ovina, que são tratados pelo Programa Estadual de Sanidade Ovina (Proeso). O tema de verminose ovina também foi enfocado.

“Queremos contribuir para a sanidade dos rebanhos, com o objetivo de que o produtor rural tenha sucesso na sua produção pecuária”, relatou a coordenadora do Proeso e Doenças Parasitárias, médica veterinária Nathalia Bidone. Ela destacou que o Centro já possui um importante trabalho desenvolvido na ovinocultura pelo pesquisador Elder Lopes. “Há anos ele cuida de um excelente rebanho da raça Ideal”.

Segundo Nathalia, existem hoje cerca de 3 milhões de ovinos em 47 mil propriedades no Rio Grande do Sul. “Os maiores rebanhos ficam nos municípios de Santana do Livramento, Alegrete, Quaraí, Uruguaiana, Pinheiro Machado, Rosário do Sul, Dom Pedrito, Bagé, São Gabriel e Herval”.

O responsável pelo treinamento foi o doutor em Parasitologia, médico veterinário e professor da Unipampa de Uruguaiana, Tiago Gallina. Ele abordou as formas de tratamento de piolheira, além dos tipos de aplicação de ectoparasiticidas. “Esse evento deve ter constância, ser permanente. É fundamental que veterinários e técnicos da Seapdr compartilhem ideias e experiências com universidades como a Unipampa”, ressaltou Gallina. “Precisamos aumentar a vigilância ativa nas propriedades rurais, e isso se dá com uma maior participação das inspetorias nesses locais, um trabalho mais ativo de educação sanitária no controle dessas doenças”.

Por sua vez, a fiscal agropecuária e supervisora regional de Santa Maria, Gisane Lanes, apresentou o trabalho de mestrado “Sarna psoróptica em um rebanho ovino no município de São Vicente do Sul”, do professor da Universidade Federal de Santa Maria, José Osvaldo Jardim Filho. “A palestra gerou um debate a respeito da importância do nosso papel como médicos veterinários enquanto disseminadores de informação para o campo, para os produtores rurais, pois essa é uma das finalidades do nosso trabalho”, finalizou Nathalia.

Galeria de Imagens
Leia também em Estado
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 99971-9480

jornal@minuano.urcamp.edu.br
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

jornal@minuano.urcamp.edu.br
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

jornal@minuano.urcamp.edu.br