MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Empreendedor

Bolsa de notícias

Em 14/12/2021 às 00:00h
Melissa Louçan

por Melissa Louçan

e-Social tem prorrogação no prazo de informações

O Ministério do Trabalho e Previdência anunciou a alteração dos prazos para a implementação do Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP) eletrônico para a partir de janeiro de 2023. A prorrogação atende a um pedido da Fecomércio-RS entregue, em forma de ofício, ao ministro Onyx Lorenzoni pelo presidente Luiz Carlos Bohn, em Brasília, na semana passada. 

A quarta fase do cronograma do Sistema e-Social estava prevista para iniciar em 10 de janeiro do próximo ano para o Grupo 3 de pessoas jurídicas, formado pelas empresas optantes pelo Simples Nacional, além das entidades sem fins lucrativos, o que abrange a grande maioria das micro e pequenas empresas brasileiras. A Federação solicitou a mudança devido à situação econômica atual de recuperação das organizações em decorrência dos efeitos de fechamentos durante a pandemia de Covid-19 e de passivos acumulados, com fase de amortização já iniciada. Bohn acredita ainda que com o aumento recente da taxa Selic e o ritmo ainda lento de recuperação de receitas, inúmeras micro e pequenas empresas não conseguiriam aderir à 4ª fase neste momento.

Pesquisa da CNDL e SPC dá dicas de como evitar perdas de venda no Natal

Uma pesquisa realizada pela CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas) e pelo SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito), aponta que cerca de 123 milhões de brasileiros farão compras para o natal este ano. Com as altas expectativas de vendas, o e-commerce ainda é uma forte alternativa para as compras de fim de ano. Ainda segundo dados, as lojas online representarão 45% das vendas, sendo ainda um forte canal para os consumidores, já que 76% dos entrevistados pretendem realizar compras online. Com isso, o estudo prevê que as compras de Natal movimentem R$68,4 bilhões na economia do país.

Em função disso, é de extrema importância preparar o e-commerce para garantir que os consumidores consigam comprar, de maneira segura e facilitada, pelo desktop ou mobile. A velocidade de carregamento das páginas do site é um dos pontos de atenção. De acordo com dados da Sofist, consultoria que monitora lojas virtuais, um segundo de espera pode reduzir em até 27% a conversão das vendas.

Leia também em Empreendedor
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 99971-9480

jornal@minuano.urcamp.edu.br
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

jornal@minuano.urcamp.edu.br
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

jornal@minuano.urcamp.edu.br