MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Campo e Negócios

Umidade do solo possibilita retomada do plantio da soja que já atinge 68%

Em 27/11/2021 às 06:23h

por Redação JM

Umidade do solo possibilita retomada do plantio da soja que já atinge 68% | Campo e Negócios | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Foto: Divulgação/Emater

Nas localidades em que ocorreram precipitações, a umidade do solo possibilitou a retomada do plantio da soja e do preparo de áreas que haviam sido interrompidas. De acordo com o Informativo Conjuntural, produzido e publicado quinta-feira, dia 25, pela Gerência de Planejamento da Emater/RS-Ascar, vinculada à Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), a semeadura já atinge 68% no Estado, estando toda essa área em germinação e desenvolvimento vegetativo.

Nas regiões administrativas da Emater/RS-Ascar de Bagé e Santa Rosa, o plantio de soja avançou. "Na de Bagé, foi bem intenso na Campanha, a partir das chuvas de 17/11. Em áreas recém semeadas é necessário maior volume para evitar emergência desuniforme ou falhas no estande. Nas implantadas, o desenvolvimento vegetativo é satisfatório e os produtores monitoram o surgimento de ervas daninhas, para iniciar as pulverizações de dessecantes em pós-emergência. Algumas áreas estão prontas para semeadura e aguardam a recomposição de umidade do solo. Em áreas de resteva de trigo destinadas a soja, foi realizado gradeamento, para minimizar infestação futura de buva (Conyza sp)", menciona o levantamento.

Em Bagé, aliás, houve aumento de áreas com plantio convencional devido à falta de dessecantes no mercado. Na Fronteira Oeste, a semeadura foi retomada e está acelerada, chegando em mais de 80% da área prevista. "As chuvas de 15 a 17/11, em volumes significativos, contribuem na uniformização do estande das lavouras e permitem condições para finalização dos plantios. Na de Santa Rosa, as semeaduras chegaram a serem interrompidas em função da baixa umidade do solo. Após a ocorrência da chuva foram retomadas. A movimentação de máquinas foi intensa durante 20 e 21/11, quando as condições do solo eram adequadas e o plantio evoluiu para 62% da intenção de plantio de 732 mil hectares. As implantadas nas primeiras semanas de novembro têm bom estande de plantas e, nos municípios onde ocorreram as chuvas o crescimento é vigoroso", completa o Informativo Conjuntural.

Galeria de Imagens
Leia também em Campo e Negócios
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 99971-9480

jornal@minuano.urcamp.edu.br
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

jornal@minuano.urcamp.edu.br
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

jornal@minuano.urcamp.edu.br