MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Região

Candiota suspende distribuição de material impresso para alunos devido à bandeira preta

Em 21/03/2021 às 00:00h
Jaqueline Muza

por Jaqueline Muza

Candiota suspende distribuição de material impresso para alunos devido à bandeira preta | Região | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Ano letivo iniciou no dia 15, com atividades remotas e professores trabalhando em home office / Foto: Divulgação

Uma preocupação constante durante este período de pandemia está sendo vivido em Candiota. O município, que retomou as aulas no dia 15 de março, cancelou a entrega de material impresso aos alunos, mantendo apenas as atividades remotas. Os estudantes que não têm acesso à internet, conforme o governo, não sofrerão nenhum prejuízo e poderão recuperar as atividades após a flexibilização dos protocolos estaduais.

Conforme a coordenadora pedagógica da Secretaria de Educação de Candiota, Cristiane Fernandes, no início do ano, cada escola fez seu plano de ação até julho, porém, de acordo com a Bandeira Preta imposta pelo Estado, desde 1º de março, foi necessário refazer os planejamentos para este período.

Cristiane explica que o ano letivo iniciou dia 15 de março, com atividades remotas e com os professores trabalhando em home office, realizando reuniões pedagógicas através dos recursos tecnológicos disponíveis, e utilizando-se de grupos de Whatsapp para fazer a interação e o envio das atividades aos  alunos. “Neste momento, a preservação da vida e da saúde de todos é o que mais importa, afinal a situação está crítica, com a falta de leitos”, disse.

A coordenadora relata que aqueles alunos que não possuem acesso à internet, neste momento, não irão receber as atividades impressas, mas não terão prejuízos, visto que após o fim da bandeira preta, as mesmas serão entregues nas suas casas.  Ela revelou que seu filho positivou para o vírus, e está assintomático, o que pode acontecer com qualquer família. “Estou usando esse exemplo nas reuniões com os pais, se houver o contato pode aumentar o contágio”, avalia.

Cristiane salienta que a Smed está trabalhando em um projeto para ano letivo de 2021, com intuito de tentar amenizar os prejuízos já existentes em relação à aprendizagem e alimentação dos alunos, desde o ano passado. “Iremos lançar assim que houver mudança de bandeira”, relata.

Galeria de Imagens
Leia também em Região
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 999719480

jornal@minuano.urcamp.edu.br
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

jornal@minuano.urcamp.edu.br
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

jornal@minuano.urcamp.edu.br