Cidade

sábado, 18 de março de 2017 às 0:01

Campanha solidária arrecada material de construção e equipamentos respiratórios para criança

Em novembro do ano passado, o Jornal MINUANO relatou o caso da pequena Agatha, de um ano e meio, que permanece no hospital desde o nascimento. Com problemas relacionados ao nanismo, ela passou meses entrando e saindo da UTI Pediátrica da Santa Casa de Caridade de Bagé. Agora, com a situação de saúde da pequena mais estável, os pais começaram uma campanha solidária para tentar adaptar a casa onde moram às necessidades da criança.
O pai, Jorge Luís Dias Souza, conta que a família, composta por ele, a esposa (Kelen) e o filho mais velho, vive em uma casa própria de três cômodos no bairro Damé. A intenção da família é conseguir material de construção ou valor em dinheiro para construir um quarto para a pequena Agatha, que será adaptado às necessidades dela.
Além disso, Souza busca a doação dos aparelhos de respiração (concentrador de oxigênio, oxímetro, aspirador elétrico portátil e torpedo de oxigênio) para que a filha possa ir, finalmente, para casa, quase um ano e meio após o nascimento.
Souza está desempregado. Até dezembro ele trabalhou para uma empresa que prestava serviços para o Departamento de Água, Arroios e Esgotos de Bagé (Daeb). Com a troca de gestão, os contratos foram encerrados e o pai da menina ficou sem emprego. De lá para cá, realiza alguns serviços, de forma autônoma, e conta com o recurso do seguro-desemprego, enquanto tenta um novo posto de trabalho e divide com a esposa os dias de cuidado com a filha. "Sempre tem alguém com ela, de noite e de dia. Eu e minha esposa nos intercalamos. Queremos levá-la para casa para cuidarmos dela lá", aponta.
Quem tiver interesse em auxiliar a família pode realizar as doações na rua 94, casa 200, no bairro Damé. A conta corrente de Souza também está disponível para doações: agência 0456, conta 00139074-2, operação 013, Caixa Econômica Federal.


Por: Melissa Louçan

 
Pesquisar